26 de abr de 2012

O diretor Spike Lee - STF

O diretor Spike Lee



SUPREMO

Questionado sobre o julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) que analisa o sistema de reserva de vagas em universidades brasileiras, Lee afirmou ser favorável à definição de cotas para negros. "Eu não sou um especialista em Brasil, estou falando como um cidadão do mundo", disse ele. Antes de ir ao Palácio do Planalto, o cineasta visitou a Suprema Corte.

Conflitos raciais, violência urbana e pobreza são temas recorrentes em seus filmes --como, por exemplo, "Milagre em Santana" (2008), "Malcolm X" (1992) e "Faça a coisa certa" (1989).

Nenhum comentário:

Postar um comentário