25 de abr de 2012

No STF, grupo pede continuidade das cotas em universidades

Grupo em frente ao Supremo pede continuidade do sistema de cotas em universidades. O Supremo Tribunal Federal (STF) julga nesta quarta-feira, dia 25, três ações que contestam a constitucionalidade da política de cotas em instituições de ensino. Duas das ações foram protocoladas pelo DEM. (Foto: Débora Santos / G1)
Antes da sessão, um grupo da Fundação Zumbi dos Palmares, composto de cerca de 50 pessoas, se reuniu em frente ao prédio do STF, em Brasília, para abençoar o advogado que fará a sustentação oral em defesa das cotas. O advogado foi abençoado por um padre, um pastor e um adepto do candomblé. (Foto: Débora Santos / G1)Antes da sessão, um grupo da Fundação Zumbi dos Palmares, composto de cerca de 50 pessoas, se reuniu em frente ao prédio do STF, em Brasília, para abençoar o advogado que fará a sustentação oral em defesa das cotas. O advogado foi abençoado por um padre, um pastor e um adepto do candomblé. (Foto: Débora Santos / G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário